segunda-feira, 30 de novembro de 2020

Hungry Heart: Wild Striker-Episódio 20-Agir Com Timidez, Não é Do Seu feitio!(Dublado)

Hungry Heart - Wild Striker (ハングリーハート WILD STRIKER, Hangurī Hāto WILD STRIKER?) é um anime e mangá criado por Yoichi Takahashi, o mesmo autor de Captain Tsubasa (Super Campeões), em 2002. O mangá é composto de 6 tankohons publicado na revista Weekly Shōnen Champion. A série animada tem um total de 52 episódios, que foram transmitidos no Japão pela Fuji TV e transmitidos no Brasil pelo Animax.

História

Hungry Heart conta a história de Kyosuke Kanou, um adolescente de 16 anos, que estuda na escola secundária de Jyoyo Akanegaoka (Outeiro Laranja). Kyosuke também é o irmão caçula do principal jogador do AC Milan, Seisuke Kanou. Kyosuke jogava futebol quando era menor, mas parou por ser comparado demais ao irmão e achar que nunca poderia jogar igual a ele. Porém, contra sua vontade, foi escolhido para ser o treinador da equipe feminina do Outeiro, cuja capitã é Miki Tsujiwaki. Miki e Kyosuke tornam-se grandes amigos ao longo da série. O garoto porém abandona o cargo na equipe feminina e junta-se aos também novatos Sakai e Rodrigo na busca por uma vaga na equipe titular masculina do Outeiro Laranja. Aí começa a trilha de Kyosuke para encontrar seu lugar no mundo do futebol sem a sombra so seu irmão maior. Kyosuke tem um chute impressionate, que é admirado por muitos jogadores que já viu, o Chute Laranja, muitos acredita que esse chute só pode ser utilizado quando Kyosuke quer muito ajudar o time.

Nome do anime:Hungry Heart - Wild Striker
Gênero;Comédia, Esporte
Escrito por:Yoichi Takahashi
Editora:Akita Shoten
Revista:Weekly Shōnen Champion
Direção:Satoshi Saga
Estúdio:Nippon Animation
País:Japão
Canais:Animax(Brasil e japão), Fuji TV(Japão)


 

Acidente de Grosjean mantém audiência da Fórmula 1 em alta

 Fórmula 1

Romain Grosjean deixa carro em chamas durante GP do Barein de Fórmula 1; corrida mantém audiência da Globo em alta (Imagem: Reprodução / Globo)

O Grande Prêmio do Barein de Fórmula 1 ficou marcado por um acidente assustador, logo após a largada, envolvendo o piloto Romain Grosjean, da equipe Haas. Ele saiu de dentro do carro em chamas, depois de 29 segundos dentro do cockpit, apenas com queimaduras leves nas mãos. A corrida acabou suspensa por mais de uma hora, afetando a grade da Globo, que, em contrapartida, acumulou boa audiência.

Dados referentes a Grande São Paulo apontam que a Fórmula 1 atingiu 9,3 pontos. O capotamento de Lance Stroll, da Racing Point, na relargada também afetou o andamento do GP do Barein, que acabou nas mãos de Lewis Hamilton, da Mercedes. Com o prolongamento da transmissão, ancorada por Everaldo Marques, a Globo foi obrigada a suspender o episódio do dia da Escolinha do Professor Raimundo.

Antes da Fórmula 1, a Santa Missa alcançou 5,2 pontos. O Antena Paulista, de Carlos Tramontina, anotou 6,1. O Pequenas Empresas, Grandes Negócios amealhou 7,2 de média, enquanto o Globo Rural, com Cristina Vieira e Vico Iasi, angariou 10,5. O Auto Esporte consolidou 9,6 pontos, enquanto o Esporte Espetacular, de Bárbara Coelho e Lucas Gutierrez, rendeu 8,7 de média.

Depois do GP do Barein, Capitão América – Guerra Civil (2016) na Temperatura Máxima emplacou 12 pontos. O Domingão do Faustão, com mais um episódio da Dança dos Famosos, registrou 14,7 de média. O Fantástico, que, além de Poliana Abritta e Tadeu Schmidt, contou com Renata Lo Prete e William Bonner à frente dos boletins sobre as Eleições 2020, garantiu 18,2.

Por fim, 10 para November Man – Um Espião Nunca Morre (2014) no Domingo Maior, 5,8 com Noé (2014) em Cinemaço e 4,6 para Hora Um de Michelle Barros.


Fonte:Rd1

Greve em empresa denunciada junto com Paes precisa ser apurada

 Greve em empresa de ônibus envolvida em denúncia junto com Paes prejudicou votação

Greve em empresa de ônibus envolvida em denúncia junto com Paes prejudicou votação

Severino Silva/Agência O Dia

Uma greve no mínimo estranha, considerada ilegal, foi anunciada pelos motoristas de ônibus das viações Redentor e Futuro, no Rio de Janeiro, na madrugada de sábado (28) para domingo (29), dia em que o prefeito Marcelo Crivella (Republicanos) e Eduardo Paes (DEM) disputaram o segundo turno das eleições para a prefeitura da cidade.

A decisão, mal explicada e de última hora, deixou sem transporte moradores dos bairros do Recreio, Barra da Tijuca e Jacarepaguá, na populosa Zona Oeste da cidade, até 11h da manhã de domingo (29), quando os motoristas resolveram voltar ao trabalho.

E provocou indignação nas autoridades do TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro), que acionaram a Polícia Federal para intervir no movimento. “A paralisação é ilegal e representa grave impedimento e embaraço às eleições”, informou o TRE-RJ. “As lideranças do movimento serão responsabilizadas de acordo com o que prevê a legislação”, acrescentaram as autoridades do tribunal.

Indicado para acompanhar a greve, o juiz Luiz Márcio Pereira foi para a porta da garagem da Redentor na manhã de domingo (29). Mesmo com o período relativamente curto de duração, a greve prejudicou a movimentação dos cariocas nas quatro primeiras horas de votação, justamente no horário indicado para que os idosos fossem votar.

E certamente contribuiu para se chegar ao maior índice histórico de abstenção da capital fluminense em segundos turnos - 1.720.154 eleitores, 35,35% do colégio eleitoral da cidade, não foram votar.

No último dia 20 de outubro, o TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro) decretou o bloqueio dos bens de Paes, de seu secretário municipal de transporte, Paulo Roberto Santos Figueiredo, e da Rio Ônibus, sindicato patronal do setor, no valor de R$ 240,3 milhões, exatamente por suspeita de direcionamento em licitações para empresas do setor de transportes. As licitações são processos de escolha de empresas para a prestação de serviços públicos. Neste caso, promovidas pela prefeitura.

Além disso, algumas empresas de transporte sofreram bloqueios, que somam R$ 511,7 milhões. O que desperta no mínimo curiosidade é que a Redentor é uma delas. Na declaração de bens à Justiça Eleitoral, Paes disse ter patrimônio de R$ 325,6 mil. São, segundo ele, quatro itens. Os maiores seriam, segundo ele, uma aplicação financeira de R$ 210 mil e um carro de R$ 76,5 mil.

Além da Redentor, tiveram os bens bloqueados os consórcios Santa Cruz, Transcarioca, Internorte e Intersul e os grupos Real Auto Ônibus, Nossa Senhora de Lourdes e Expresso Pégaso.

Paes alega que o processo tem como base um relatório elaborado “sob encomenda” pelo vereador Tarcísio Motta (PSOL), seu adversário político. Motta tem, no entanto, outra versão. “O documento é produto de investigação séria e profunda da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) aberta por denúncias de corrupção” afirmou. “Fomos independentes, como toda CPI deve ser. Enviamos o material aos órgãos competentes. O Ministério Público acrescentou outros dados e está fazendo corretamente o seu trabalho”, acrescentou o vereador.

Cabe agora ao TER-RJ e às autoridades judiciais esclarecer se as verdadeiras motivações desse movimento grevista foram efetivamente as divergências sobre FGTS e pagamento de 13º salário alegadas pelos grevistas.

A sociedade aguarda ansiosa.


Fonte:r7

André Merlo (PSDB) é reeleito prefeito de Governador Valadares

 Por Zana Ferreira


André Merlo — Foto: Divulgação

André Merlo — Foto: Divulgação

André Merlo, do PSDB, foi reeleito prefeito de Governador Valadares neste domingo (29). Ao fim da apuração, ele teve 57,74% dos votos válidos. Foram 71.764 no total.

O candidato derrotou Dr. Luciano (PSC), com quem disputava o segundo turno da eleição, que teve 52.515 votos, representando 42,26% dos votos válidos.

Ao todos, foram 137.715 votos no segundo turno, sendo que os votos brancos foram 5.038 (3,66%) e os nulos foram 8.398 (6,10%). A abstenção foi de 76.171 eleitores, representando 35,61% do eleitorado da cidade.

André Merlo comemorou reeleição e falou sobre trabalho para os próximos quatro anos — Foto: Reprodução Inter TV

André Merlo comemorou reeleição e falou sobre trabalho para os próximos quatro anos — Foto: Reprodução Inter TV

Após o fim da apuração, André Merlo deu entrevista e comemorou o resultado, que definiu como "a vitória do bem contra o mal".

"Estou muito feliz da população de Valadares mais uma vez confiar num filho da terra, a gente que vem fazendo um trabalho sério. E foi a vitória do bem contra o mal, eu não falei durante a campanha hora nenhuma isso, mas vocês vão saber o porquê no decorrer da semana, daqui pra frente, mas eu estou muito feliz. E quem votou do outro lado, fica tranquilo, eu vou trabalhar pra vocês também, eu vou trabalhar pra todo mundo", afirmou André.

Ele comentou ainda sobre o trabalho que será desenvolvido nos próximos quatro anos.

"Temos muitas entregas a serem feitas e temos um plano de governo a seguir. Nós temos o plano de mobilidade urbana pronto pra votar na Câmara. Vamos melhorar a nossa cidade, qualidade de vida, é moradia pra quem não tem moradia. Vamos trabalhar a infraestrutura, temos problema de pavimentação. É desejo nosso pavimentar 100% da cidade, isso que vamos trabalhar nesses próximos 4 anos com seriedade e transparência", destacou.

Pela manhã, André Merlo votou no Centro da cidade e comentou a eleição histórica, quando Governador Valadares teve um segundo turno pela primeira vez.

"A gente tem certeza que Valadares ganhou com essa discussão toda. É uma evolução da democracia, claro que a gente sabe que pelo recadastramento da biometria não teria segundo turno, mas isso foi colocado e a gente tá com muita esperança na vitória, colocando sempre na mão de Deus e do povo de Valadares”, afirmou pela manhã.

André Merlo tem 54 anos, é casado, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de engenheiro. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 9.183.401,23. o vice é David Barros, do DEM, que tem 41 anos.

No QG do candidato, apoiadores já comemoram a reeleição.

Eleitores comemoram reeleição de André Merlo — Foto: Caio Mourão/Inter TV dos Vales

Eleitores comemoram reeleição de André Merlo — Foto: Caio Mourão/Inter TV dos Vales


Fonte:G1

Raissa Barbosa é pressionada por Leo Dias e fala sobre namorado de Mirella

 Raissa Barbosa

Raissa Barbosa fala sobre namorado de Mirella (Imagens: Reprodução – Record – Instagram/ Montagem – RD1)

Raissa Barbosa participou do Hora do Faro, da Record, neste domingo (29), e abriu o jogo sobre diversos assuntos na Máquina da Verdade. Entre várias coisas, a ex-peoa foi confrontada por Leo Dias sobre a acusação por MC Mirella de ser amante de Dynho Alves.

“[Ficamos] Enquanto ele era solteiro, eles tinham terminado. Ele falou que era [solteiro]”, ressaltou a modelo, quando questionada pelo jornalista. “Você tinha certeza que ele era solteiro?“, perguntou o ex-Fofocalizando, ao que ela respondeu: “Ele falou que era”.

Raissa Barbosa ainda destacou sobre a atitude de Mirella em virar a cara para ela no primeiro dia do reality show da Record. “Eu nunca imaginei que ela tinha descoberto que a gente ficou. Era uma coisa que ia dar uma repercussão aqui fora”, explicou a vice-miss bumum.

Cabe lembrar que, no dia em que os participantes entraram na sede, a funkeira teve uma atitude que repercutiu nas redes sociais, pois ficou surpresa em ver a modelo ao seu lado. “A amante do meu ex, eu não tô acreditando nessa palhaçada”, reclamou ela.

Atualmente, Mirella e Dynho Alves estão juntos novamente. Em nota recente enviada ao jornalista Leo Dias, do Metrópoles, a cantora disse que está se divertindo. “Se vamos ficar juntos, ó Deus é quem sabe, mas nesse momento é preciso ficar bem e me divertir“, explicou.

SP deve divulgar amanhã edital para concessão de linhas 8 e 9 da CPTM

 

SP deve publicar edital de licitação para linhas da CPTM

SP deve publicar edital de licitação para linhas da CPTM

Albatroz / Divulgação

O governo de São Paulo divulga nesta terça-feira (1º) o edital de licitação para a concessão das linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), conforme informou a Secretaria dos Transportes Metropolitanos do Estado de São Paulo.

O certame está marcado para ocorrer no dia 2 de março de 2021, na B3, em São Paulo. Ainda nesta segunda-feira deve sair um aviso de licitação em edição extra do Diário Oficial do Estado.

Botão para controlar o volume da publicidade

O projeto prevê investimento na concessão de R$ 3,2 bilhões. A concessão é para 30 anos e entre os investimentos previstos estão a compra de 34 novos trens. O critério para definir o vencedor será a maior outorga fixa, com valor mínimo inicial de R$ 303 milhões. Já o opex (investimentos na operação) estimado é de R$ 15,7 bilhões.

Empresas brasileiras e estrangeiras podem participar do leilão e entre as responsabilidades de quem assumir a operação e manutenção das duas linhas está a modernização e adequação das estações e investimentos em sinalização e energia, o que vai permitir a circulação de mais trens nas linhas e um intervalo menor.


Fonte:r7 e Estadão

Maguito Vilela, do MDB, é eleito prefeito de Goiânia

 Por Vitor Santana


Maguito Vilela vence eleição para prefeito de Goiânia — Foto: Divulgação

Maguito Vilela vence eleição para prefeito de Goiânia — Foto: Divulgação

Maguito Vilela, do MDB, foi eleito neste domingo (29) prefeito de Goiânia para o mandato de 2021 a 2024. Internado em tratamento contra o coronavírus há mais de 1 mês, o candidato derrotou Vanderlan Cardoso, do PSD. Ao fim da apuração, ele teve 52,60% dos votos válidos. Foram 277.497 votos no total.

O político, de 71 anos, disputou o 2º turno e foi eleito sem saber dos resultados das urnas, pois está sedado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital de São Paulo.

O resultado foi divulgado às 18h42 deste domingo (29). Vanderlan Cardoso teve 250.036 votos, o que totalizou 47,40% dos votos válidos. A eleição em Goiânia teve 36,75% de abstenção, 4,26% votos brancos e 9,86% votos nulos.

O vice-prefeito de Maguito é Rogério Oliveira da Cruz, do Republicanos, que é vereador em Goiânia e tem 54 anos. Após o resultado, a equipe de campanha se reuniu em um hotel da capital e fez uma oração pela recuperação do prefeito eleito.

"Agradecemos ao eleitor por depositar seu voto no Maguito Vilela. Ele se multiplicou em Goiânia, porque criamos uma força grande de aliados. Todo o plano de Maguito será executado nos próximos quatro anos, e ele estará ao nosso lado", disse o vice-prefeito eleito.
Equipe de Maguito Vilela comemora vitória e faz oração pela sua recuperação da Covid-19
00:00/00:00

Erro ao carregar o recurso de vídeo.

Ocorreu um problema ao tentar carregar o vídeo. Atualize a sua página para tentar novamente.

Acesso gratuito

Faça seu login grátis e tenha acesso ilimitado às exclusividades G1

Equipe de Maguito Vilela comemora vitória e faz oração pela sua recuperação da Covid-19

O filho de Maguito Vilela e presidente estadual do MDB, Daniel Vilela, disse que foi uma campanha atípica.

“Não posso deixar de registrar um fato desta campanha desrespeitosa contra o nosso candidato, uma campanha vergonhosa, pessoas que demonstraram não ter o mínimo escrúpulo com a vida humana. Saíram por aí, nesta semana, com carros de som anunciando a morte do candidato adversário e disparo em massa no WhatsApp com mensagens de fake news relativas ao estado de saúde do candidato. Com certeza, isso teve influência e trouxe insegurança a muitas pessoas" disse.

Daniel Vilela disse ainda que espera um diálogo entre o poder municipal e o estadual. “Tentamos agenda com o governador Ronaldo Caiado desde antes da campanha e não conseguimos. Acredito que agora, depois das eleições, com certeza ele terá”, completou. Após a vitória, o governador publicou uma nota parabenizando Maguito pela vitória nas urnas.

Maguito e Rogério fazem parte da coligação Pra Goiânia Seguir em Frente, formada pelos partidos PMB/ PTC/ Patriota/ MDB/ Republicanos/ PC do B.

Apuração

  • Votos totais: 614.272
  • Votos válidos: 527.533
  • Brancos: 26.193
  • Nulos: 60.546
  • Abstenção: 356.949

Derrota

Vanderlan reconheceu a derrota, mas disse que foi um resultado positivo e que já esperava a quantidade de votos que recebeu. “Fizemos uma campanha bonita desde o primeiro turno. Fomos para o segundo turno, não tivemos com quem debater. Foi uma campanha atípica. O principal concorrente está lutando pela vida em um leito de UTI em São Paulo. O vice não saiu para o debate, e o eleitor ficou confuso”, disse.

Ele avalia que a falta de um debate entre os candidatos foi um dos motivos para a grande abstenção nas urnas, que foi de 36%. Por fim, desejou que Maguito Vilela se recupere da Covid-19.

“Desejo ao Maguito Vilela o restabelecimento para vir e assumir a prefeitura, que está com muitas demandas. Desejo a ele sorte. Vou colocar meu mandato como senador da República [à disposição da prefeitura], como eu coloquei no primeiro dia que fui eleito como senador, me reuni com o prefeito Iris Rezende, para ajudar a trazer recursos para a cidade”, completou.

Carreata sai às ruas de Goiânia em comemoração a eleição de Maguito Vilela, do MDB
00:00/00:19

Carreata sai às ruas de Goiânia em comemoração a eleição de Maguito Vilela, do MDB

Carreira política de Maguito

Maguito já foi eleito vereador por Jataí, deputado estadual e federal e vice-governador. Também foi governador de Goiás entre 1995 e 1998, quando disputou e ganhou a eleição para senador. Em 2007, foi nomeado por Guido Mantega, então ministro da Fazenda, como vice-presidente do Banco do Brasil.

Antes de disputar a eleição deste ano, foi eleito prefeito de Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital, por duas vezes, em 2008 e 2012.

Maguito tem dois filhos e é casado com Flávia Teles. O político declarou ao Tribunal Superior Eleitoral um patrimônio de R$ 2.736.162,10.

Covid-19

Maguito Vilela testou positivo para o coronavírus no dia 20 de outubro. Dois dias depois, ele foi internado em um hospital de Goiânia. No dia 26, para garantir maior suporte ventilatório e tratar as inflamações no pulmão, ele foi transferido para um leito de UTI.

No dia seguinte, em 27 de outubro, o político foi levado ao Hospital Albert Einstein, em São Paulo, para dar continuidade ao tratamento contra o coronavírus, onde está internado até este domingo. Maguito foi entubado no dia 30 de outubro, chegou a ser extubado em 8 de novembro, mas voltou à ventilação mecânica no dia 15, durante o 1º turno das eleições.

Atualmente, ele está com uma traqueostomia e ligado a uma máquina chamada ECMO, que funciona como um pulmão mecânico.

Em agosto deste ano, Maguito perdeu duas irmãs para a Covid-19 em um intervalo de menos de dez dias. Elas tinham 82 e 76 anos e moravam em Jataí, cidade natal do político localizada no sudoeste de Goiás.



Fonte:G1

Posts Relacionados