quarta-feira, 30 de setembro de 2020

Pai chora por não ter pistas do filho que desapareceu após ter carro roubado e suspeitos morrerem: ‘Coração doido’

 Por Vitor Santana

O pai do estudante Murilo Ramos de Souza, de 25 anos, não para de fazer buscas pelo filho, que desapareceu após ter o carro roubado em Itapuranga, na região central de Goiás. Quatro suspeitos de terem levado o carro foram mortos em confronto com a Polícia Militar. “Você fica com o coração muito doído, choroso. Deus vai trazer meu filho vivo”, disse Cícero Martins Souza.

Murilo foi visto pela última vez no sábado (26), após pedir o carro do pai emprestado para sair. Ele parou em uma praça para comer um espetinho e um comerciante disse que ele estava sozinho na mesa e ficou pouco tempo.

A polícia acredita que os criminosos estavam por perto e decidiram seguir o jovem para roubar o carro. Uma imagem de câmera de segurança registrou quando o carro em que Murilo é seguido por outro, em uma rua da cidade.

Desde domingo, Cícero tem feito buscas, percorrendo vários locais em busca do filho. “Imagina o coração de um pai sabendo que um filho seu pode estar em lugar incerto, sem possibilidade que ele volte. Eu às vezes choro porque meu filho não está aqui sob o meu poder, mas ele está sob o poder de Deus”, disse.


Os policiais das delegacias de Itaberaí, Ceres e Anápolis estão trabalhando de maneira conjunta para investigar o desaparecimento. Já o confronto está a cargo do Grupo de Investigação de Homicídios de Anápolis. Não foram passados detalhes para não atrapalhar o trabalho da polícia.


Murilo Ramos de Souza desapareceu após ter carro roubado, em Itapuranga — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Murilo Ramos de Souza desapareceu após ter carro roubado, em Itapuranga — Foto: Reprodução/TV Anhanguera


Fonte:G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Posts Relacionados