quinta-feira, 26 de março de 2020

Buraco negro é flagrado tentando sugar estrela

 © Foto / NASA; ESA; and S. Farrell, Instituto de Astronomia da Universidade de Sidney

Diariamente, a NASA escolhe uma foto astronômica que lhe pareça importante ou pelo menos interessante e a publica em seu portal, na seção Foto Astronômica do Dia.
Em 24 de março, a foto escolhida foi a de o momento em que um buraco negro tenta sugar uma estrela.
Na foto divulgada pela NASA, dá para ver uma estrela que acabou de passar perto de um enorme buraco negro, deixou um rasto de gás e poeira que continua em órbita, e que brilhará no espaço muito tempo ainda após o afastamento da estrela.
Buraco negro perturbando uma estrela passante
© FOTO / NASA / JPL-CALTECH
Buraco negro perturbando uma estrela passante

Fenômeno de buracos negros

Um buraco negro é um objeto astronômico extremamente denso do qual nada pode escapar, nem mesmo a luz.
Quando uma estrela explode em uma supernova, pode deixar como resultado um buraco negro. Em alternativa, uma estrela supermassiva pode queimar rapidamente o seu combustível e se transformar em um buraco negro, sem necessariamente ocorrer uma explosão, sendo assim que muitos buracos negros massivos se formam em protogaláxias de desenvolvimento rápido.
Sempre que uma estrela se aproxima de um buraco negro massivo, se ela se dirigir na sua direção, passando perto, certamente será absorvida e pulverizada. Se chegar somente a uma certa distância, a gravidade do buraco negro afetará apenas a orla da estrela.
Neste último caso, quando a estrela passa longe, a maior parte do seu gás não é sugada para o interior do buraco negro. O resultado é um evento cósmico que pode ser tão brilhante quanto uma supernova.
Segundo a NASA, há uma quantidade cada vez maior de eventos similares a este, e que vão sendo detectados pelos diversos instrumentos científicos que atualmente e em modo automático varrem o Universo.
Fonte:Sputnik

Nenhum comentário:

Postar um comentário