quarta-feira, 29 de maio de 2019

Fluminense sofre com Barcos, mas segura o Atlético Nacional e avança na Sul-Americana

O Fluminense está nas oitavas de final da Copa Sul-Americana. O Tricolor perdeu fora de casa para o Atlético Nacional, por 1 a 0, gol de Barcos, mas segue no torneio pela grande vantagem construída com a goleada no Maracanã. Na Colômbia, o time de Fernando Diniz sofreu no início, mas igualou o jogo, criou chances e não teve a vaga em risco.

Barcos dá trabalho
Conhecido da torcida brasileira, o atacante Hernán Barcos deu trabalho mais uma vez. O argentino fez o único gol do jogo, em cabeçada no primeiro tempo. Também colocou uma bola na trave e criou outras oportunidades. O camisa 17 buscou o jogo até o minuto final e foi quem mais deu trabalho à defesa tricolor. Ele já havia marcado na partida de ida, no Maracanã, em pênalti.
Barcos comemora gol
Barcos comemora gol (Foto: EFE/Luis Eduardo Noriega)
Caio Henrique é destaque
Em noite pouco inspirada do ataque, coube à defesa do Fluminense garantir o resultado. Caio Henrique e Matheus Ferraz foram os destaques tricolores na classificação na Colômbia. Mesmo assim, Agenor teve trabalho e até falhou em alguns lances. O Atlético Nacional terminou o jogo com 57% de posse de bola e quase 20 finalizações. Na frente, Ganso e João Pedro estavam apagados. Luciano perdeu um gol inacreditável.
Caio Henrique foi o melhor em campo
Caio Henrique foi o melhor em campo (Foto: REUTERS/Luisa Gonzalez)
  • Próximo rival
    A próxima parada do Fluminense na Copa Sul-Americana é o Uruguai. O Tricolor enfrentará o Peñarol nas oitavas de final. O primeiro jogo será em Montevidéu, em data a ser definida pela Conmebol.
  • Agenda
    O Fluminense volta a campo no domingo, às 16h, contra o Athetico-PR, na Arena da Baixada, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. O Tricolor volta ao Rio de Janeiro na madrugada de sexta-feira e parte para Curitiba no dia seguinte.
  • Fonte:Globoesporte.com

















Nenhum comentário:

Postar um comentário

Posts Relacionados