quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

Sem engrenar: Inter sai na frente, mas cede empate ao Veranópolis mesmo com um a mais

O Inter antecipou o fim do rodízio e foi a campo com o que tinha de melhor, mas o antídoto para as duas derrotas seguidas não surtiu efeito. O Colorado até saiu na frente, com gol de Nico López, mas cedeu o empate em 1 a 1 ao Veranópolis, nesta quarta-feira, no Antônio David Farina, pela 4ª rodada do Gauchão. Tudo isso, após mais uma atuação apagada, de muitos erros – inclusive de um pênalti, por Rafael Sobis. E com um a mais desde os 8 do segundo tempo, quando Kaio foi expulso.
Confira os melhores momentos de Veranópolis 1x1 Internacional

NA TABELA
Com o empate, o Inter segue na sétima colocação, com quatro pontos. O Veranópolis é nono, com três. As duas equipes podem perder posições com o complemento da rodada.

AGENDA
O Inter volta a campo na próxima segunda-feira, às 20h40, quando recebe o Brasil de Pelotas no Beira-Rio, pela 5ª rodada do Gauchão. Antes, no domingo, às 18h, o VEC enfrenta o São José no Passo D'Areia.

PRIMEIRO TEMPO
Com força máxima, se esperava um Inter superior ao Veranópolis, com domínio das rédeas da partida. Não foi o que se viu na primeira etapa. A equipe de Odair teve lampejos de bom futebol - como na bela jogada coletiva iniciada e finalizada por Dourado - e até balançou as redes, em gol anulado de William Pottker, aos oito minutos. O mesmo Pottker ainda perdeu uma chance incrível, ao isolar na pequena área, após cruzamento de Nico, aos 14.
Sem conseguir criar para municiar Tréllez, o Inter ainda sofreu com as investidas do Veranópolis, sempre pelo lado direito, às costas de Iago. No lance mais perigoso, Macena arriscou de longe e acertou a trave esquerda de Lomba, aos 9. O VEC ainda reclamou de pênalti em uma divida de Túlio Renan com Rodrigo Moledo dentro da área.
Internacional marca, mas Anderson Daronco assinala impedimento de Edenílson aos 8' do 1T

SEGUNDO TEMPO
A partida se desenhou ao Inter a partir dos 8 do segundo tempo, quando Kaio acertou o rosto de Pottker com o cotovelo e foi expulso. Com um a mais, o Colorado passou a pressionar o adversário em busca do empate. Neilton entrou na vaga de Pottker, e Rafael Sobis ingressou no lugar de D'Alessandro.
Mas quem resolveu para o Inter foi Nico López. Após bate e rebate, o gringo completou para as redes, aos 29. E o Colorado teve a chance de ampliar a vantagem em um pênalti. Rafael Sobis, porém, desperdiçou a cobrança e o rebote, que explodiu na trave, aos 35. E o erro foi cruel. Dois minutos mais tarde, Juba fez bela jogada pela esquerda e cruzou na medida para Juba empatar a partida.
Kaio recebe cartão após a cotovelada em Pottker e está expulso aos 8' do 2T

ENFIM, O GOL
Em mais uma noite de atuação pobre e muitos erros defensivos, Nico López foi um raro ponto positivo do Inter nesta quarta-feira. O gringo foi o atleta mais lúcido e perigoso do ataque colorado. Não à toa, anotou o gol da partida, após bate e rebate dentro da área. O gol, aliás, foi o primeiro de um atacante colorado em 2019.
GOL DO INTER!!! Nico López recebe dentro da área e finaliza no cantinho aos 29' do 2T

VEC ATACA O INTER PELAS BEIRADAS
O Veranópolis encontrou o caminho do empate ainda no primeiro tempo: os espaços deixados pelos laterais do Inter no sistema defensivo. O VEC explorou as duas beiradas de campo com tabelas em velocidade para confundir a defesa rival e levar perigo. Foi assim que chegou ao gol, já com um a menos, no segundo tempo. Juba fez a jogada e serviu Macena, livre dentro da área
GOL DO VEC! Macena manda para as redes, livre dentro da área e empata aos 37' do 2T

INACREDITÁVEL F.C
William Pottker até balançou as redes, em lance anulado. E teve nova chance de marcar, de fato, e fazer as pazes com a torcida. Ainda no primeiro tempo, o atacante recebeu cruzamento de Nico López e apareceu livre dentro da pequena área. Era só marcar, mas o camisa 99 isolou.
William Pottker aparece livre, mas perde chance de marcar aos 14' do 1T

ERRO EM DOSE DUPLA
Rafael Sobis tinha tudo para sacramentar a vitória colorada com seu primeiro gol no retorno ao clube. Mas o atacante desperdiçou não só o pênalti, como o rebote, que explodiu no travessão.
Rafael Sobis cobra mal o pênalti, no rebote tenta, mas perde chance aos 35' do 2T

PÊNALTI RECLAMADO
O VEC arrancou um empate do Inter com um a menos. E, ainda assim, deixou o Antônio David Farina revoltado com a arbitragem. Até o presidente do clube reclama de um pênalti não assinalado por Anderson Daronco de Rodrigo Moledo em Túlio Renan no primeiro tempo.
Túlio Renan reclama pênalti, mas Daronco manda o jogo seguir aos 45' do 1T

Fonte:Globoesporte.com



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Posts Relacionados