terça-feira, 31 de julho de 2018

Com passe disputado, Daniel Adjuto pode apresentar o “Programa Livre” no SBT

Daniel Adjuto é o "repórter gato" do SBT (Imagem: Reprodução / Instagram)
O nome de Daniel Adjuto anda mais em alta do que nunca nos bastidores do SBT. O "repórter gato", como é conhecido entre os fãs, caiu nas graças do patrão Silvio Santos e pode ganhar em breve seu próprio programa no canal.
Segundo Daniel Castro, do Notícias da TV, o Homem do Baú tem plano de colocar Adjuto à frente de uma atração que mescle informação e entretenimento, nos moldes do antigo "Programa Livre" (1991-2001).
Silvio enxerga no jornalista de 28 anos o mesmo carisma que Serginho Groisman, hoje à frente do global "Altas Horas", exercia junto à audiência jovem em seus tempos de Anhanguera.
Vale lembrar que não é só dentro do SBT que Daniel Adjuto anda visado. Só neste ano, ele já recebeu propostas da GloboNews e da Record, mas declinou nos dois casos, animado com o progresso que vem conseguido na rede da família Abravanel.

Fonte:RD1

Turistas brasileiros ficam isolados em Machu Picchu, no Peru, após acidente com trem

Por Fernanda Lourenço

Pessoas se aglomeram em estação de trem em Machu Picchu, no Peru, após acidente ferroviário (Foto: Marcelo Carloni/TV Diário)
Brasileiros ficaram presos em Machu Picchu após acidente entre dois trens no trecho entre a famosa cidade com ruínas incas e o município de Ollantaytambo, no Peru. A colisão ocorreu nesta terça-feira (31). Ao menos duas pessoas ficaram gravemente feridas por causa da batida.
Duas companhias operam na linha: a Inca Rail e a PeruRail, ambas envolvidas no acidente. Passageiros das duas empresas reclamam da falta de informações e de suporte, como com alimentação e hospedagem. Somente por volta das 22h, horário de Brasília, as empresas começaram a servir água aos clientes.
A estudante Michelle Leal, de São Paulo, tinha passagem para embarcar para Cusco às 16h40 (de Lima, 18h40 em Brasília). "A única informação que a gente tem é que vão vir vários trens para abrigar todo mundo, mas não dizem o horário. Essa é a informação desde às 13h. Eu tenho passeio comprado em Cusco para amanhã, às 4h30 da manhã", disse.

Pessoas aguardam por um trem depois de acidente em Machu Picchu, no Peru (Foto: Fernanda Lourenço/G1)

Circulação interrompida

Os trens deixaram de circular ainda no começo da manhã. Os passageiros têm dificuldades para conseguir informações, e aqueles que têm voo marcado para esta quarta-feira (1) estão preocupados.
Robson Oliveira, de São Paulo, teme perder o voo de volta, marcado para as 8h (de Lima, 10h de Brasília) desta quarta-feira.
“Não tem nenhuma informação. Sumiu gerente, dono da empresa. Eu quero saber quem vai pagar se eu perder o voo”, disse o representante comercial Robson Oliveira.
Somente às 20h30 (horário de Brasília) de terça-feira, partiu o trem com os passageiros que deveriam ter embarcado dez horas antes. O comboio saiu de Machu Picchu em direção a Ollantaytambo.
Ainda não há trens circulando no sentido oposto, levando quem ainda quer visitar as ruínas.

Trem parado em Macchu Pichu, no Peru (Foto: Marcelo Carloni/TV Diário)

Acidente nos Andes

Passageiros observam trens que colidiram nesta terça-feira (31) na estrada que dá acesso a Machu Picchu, no Peru (Foto: Andina News Agency via AP)Passageiros observam trens que colidiram nesta terça-feira (31) na estrada que dá acesso a Machu Picchu, no Peru (Foto: Andina News Agency via AP)
Passageiros observam trens que colidiram nesta terça-feira (31) na estrada que dá acesso a Machu Picchu, no Peru (Foto: Andina News Agency via AP)
O acidente ocorreu no km 88 da estrada de ferro, entre Ollantaytambo e Machu Picchu Pueblo (Águas Calientes).
Um dos passageiros contou à agência Andina que o trem da companhia Inca Rail estava parado na estrada por causa de um protesto de um grupo de moradores. A composição foi atingida por outro trem da PeruRail e uma colisão traseira.
Segundo o chefe dos bombeiros de Cusco, Rómulo Centeno, 10 unidades de resgate e 35 bombeiros foram ao local. Os dois feridos graves foram transportados ao posto de súde mais próximo.
Mapa de acidente de trem em acesso a Machu Picchu (Foto: Alexandre Mauro/G1)Mapa de acidente de trem em acesso a Machu Picchu (Foto: Alexandre Mauro/G1)
Mapa de acidente de trem em acesso a Machu Picchu (Foto: Alexandre Mauro/G1)

Fonte:G1

Árbitro da Copa pode substituir Arnaldo Cézar Coelho na Globo

Sandro Meira Ricci ficou famoso como árbitro na Copa do Mundo (Imagem: Reprodução / Globo)
A atuação como árbitro durante a Copa do Mundo não só marcou a aposentadoria de Sandro Meira Ricci da função, como também lhe abriu portas para outros âmbitos.
Ele, que anunciou, no "Altas Horas" do último dia 21, seu desligamento da arbitragem no futebol brasileiro, revelou à coluna de Flávio Ricco que realizou curso de jornalismo esportivo e pode atuar nessa área.
Embora garanta que ainda não recebeu proposta de qualquer emissora para atuar como comentarista, já se sabe que ele é fortemente cotado para pegar a vaga de Arnaldo Cézar Coelho na Globo quando este se aposentar, em dezembro.
Sandro confirma também que tem propostas bastante concretas para voltar a exercer a arbitragem fora do Brasil, sem revelar, porém, o nome do país que planeja contar com sua elogiada atuação nesse campo.

Fonte:RD1

Por que 4 milhões de muçulmanos correm o risco de perder a cidadania na Índia

Por que 4 milhões de muçulmanos correm o risco de perder a cidadania na Índia (Foto: Reprodução/BBC)
Por que 4 milhões de muçulmanos correm o risco de perder a cidadania na Índia (Foto: Reprodução/BBC)

Quatro milhões de pessoas que consideram a Índia seu lar agora temem perder sua cidadania, suas terras, o direito a voto e sua liberdade.

São muçulmanos de origem bengali que vivem em uma comunidade no Estado de Assam, no nordeste do país.
“Esse é o nosso país. Crescemos aqui, estudamos aqui, casamos aqui. Temos terras aqui. Como assim não somos indianos?”, protesta a professora Hasitun Nissa.
Autoridades dizem que há colonos de Bangladesh morando ilegalmente entre os bengalis de Assam.
Milhões de pessoas buscaram refúgio na Índia com a guerra de nove meses gerada pela independência de Bangladesh do Paquistão.
Mas um acordo assinado pelo governo indiano em 1985 prevê que só serão considerados em situação legal aqueles cujas famílias chegaram ao país antes de 24 de março de 1971, um dia antes do processo separatista ter início.
O governo estima que cerca de 5 milhões cruzaram a fronteira irregularmente. Por isso, 32 milhões de habitantes de Assam agora têm de apresentar documentos para atestar que estão em situação legal.
“Todos terão o direito de provar que são cidadãos indianos. Mas, se não conseguirem, medidas legais serão tomadas”, diz o ministro da Justiça de Assam, Siddhartha Bhattacharya.
O problema é que, em muitos casos, os registros legais para essa comprovação desapareceram ou são imprecisos.
Ativistas afirmam que isso é uma tentativa de expulsar um grande número de muçulmanos do país.
Eles alegam que o partido do governo, o BJP, pressiona os muçulmanos para conquistar mais apoio entre os hindus, que são 80% da população.
Por sua vez, o governo afirma que ninguém será deportado imediatamente e que o processo está sendo supervisionado por um órgão independente, a Suprema Corte.

Fonte:G1 e BBC News Brasil

Letícia Colin flagra Lázaro Ramos nos bastidores de “Segundo Sol”

Felipe Brandão

Lázaro Ramos se despediu em definitivo de "Mister Brau" (Imagem: Globo / João Miguel Júnior)
Sucesso no horário nobre da Globo, "Segundo Sol" ganhou uma espécie de "diretor convidado" no final da última semana.
A atriz Letícia Colin publicou na sexta-feira (27), em seu perfil no Instagram, um vídeos dos bastidores da produção global, onde uma cena entre Deborah Secco (Karola) e Adriana Esteves (Laureta) é dirigida por ninguém menos que Lázaro Ramos!
"Olha quem Dennis escalou pra dirigir #SegundoSol!", publicou na legenda a intérprete de Rosa - que, se bem não participou da sequência, pareceu ter-se divertido a valer com a forma como a colega Adriana se atrapalhou ao atender a uma "instrução" de Lázaro para abrir uma garrafa em cena.
Lázaro Ramos está afastado das novelas - como ator - desde 2014, quando atuou em "Geração Brasil". Ele acaba de finalizar as filmagens de seu seriado "Mister Brau" e vive a expectativa de ser escalado em breve para novos trabalhos na Globo.

Fonte:RD1

Pai trabalha em três empregos, faz horas extras e consegue pagar roupa para formatura da filha

Página publicou momento em que a menina recebeu o presente do pai (Foto: Style Exchange Boutique/Reprodução/Facebook)
Página publicou momento em que a menina recebeu o presente do pai (Foto: Style Exchange Boutique/Reprodução/Facebook)

Viralizou, nas redes sociais, a emoção de uma menina de 14 anos ao ganhar um conjunto de blusa e saia no valor de US$ 200 (cerca de R$ 745). O pai trabalha em três empregos em uma cidade na Pensilvânia, Estados Unidos, e não tinha certeza se conseguiria comprar as peças de roupa à filha, que queria usá-la durante uma festa de formatura da escola.

O vídeo, publicado pelo perfil da loja onde o presente foi comprado, mostra a menina Nevaeha Smith no momento em que o pai, Ricky Smith, 36 anos, abre a sacola com o cabide onde estão a blusa e a saia de estampa florida. Eles estavam em uma lanchonete — um dos três locais onde o homem trabalha para sustentar a família.
Em um primeiro momento, a garota se espanta com a novidade. Depois, chora abraçada ao pai. Ela havia acabado de terminar o último ano do equivalente ao Ensino Fundamental brasileiro.
Para conseguir dar o presente a Nevaeha, Smith — que já trabalhava seis vezes por semana, no mínimo — aumentou a carga de trabalho. Fez horas extras e chegou a passar dias seguidos sem folga.
"Eu olhei para o preço e pensei: 'Não tenho tanta certeza, mas eu posso ver o que fazer'", afirmou Smith à rede de televisão norte-americana ABC.
A menina, então, vestiu a blusa e o vestido florido na festa, que marcava o encerramento de mais uma etapa na vida estudantil da jovem.
"Eu o amo e sou muito feliz por ele ser meu pai", disse Navaeha à ABC.

'Por que você não faz uma surpresa?'

Ao contar que tinha conseguido comprar a roupa, Smith contou primeiro para a mãe. Ela, segundo a rede ABC, sugeriu a ele que fizesse uma surpresa à menina. Assim, o pai contou à jovem que a avó tinha comprado as peças.

"Fiquei pensando: 'Vai ser um vestido de velhinha'", contou Nevaeha.
Por isso, a garota teve a reação flagrada nas câmeras e viralizada nas redes sociais. E, para o pai, ver a felicidade da filha foi um presente.
"Ver a cara [de felicidade] dela não teve preço. Tudo o que eu pude fazer foi sorrir", disse Smith.

Fonte:G1 

Próxima “A Fazenda” terá touro mecânico e novo calendário

Marcos Mion será o apresentador da temporada 2018, a décima do reality show (Imagem: Reprodução / Record)
A Record segue a todo vapor com os preparativos para a nova temporada de "A Fazenda" , cuja estreia está programada para o mês de setembro.
Segundo a coluna de Flávio Ricco, as atividades com os confinados obedecerão ao seguinte calendário semanal: às segundas-feiras, a formação da roça; na terça, a escolha do "fazendeiro" (líder) da semana; quinta-feira, eliminação; às sextas, provas que definirão privilégios; e no sábado, festa para os participantes.
Outra novidade para esta próxima edição será a presença de um touro mecânico, com o qual os peões poderão interagir durante sua estadia pela competição.
A próxima "A Fazenda" será uma espécie de edição comemorativa aos dez anos do programas, misturando novos participantes com nomes que já passaram antes pela casa. Marcos Mion estreia na apresentação.

Fonte:RD1

Marte atinge ponto mais próximo da Terra em 15 anos nesta terça-feira

Marte em imagem feita pelo telescópio espacial Hubble em 18 de julho de 2018 (Foto:  NASA, ESA, and STScI)
Marte em imagem feita pelo telescópio espacial Hubble em 18 de julho de 2018 (Foto: NASA, ESA, and STScI)

Desde o eclipse lunar na sexta-feira (27), Marte tem sido um fenômeno à parte, com sua proximidade em relação à Terra. Nesta terça-feira (31), a atração continua -- com o planeta atingindo o ponto mais próximo da Terra em 15 anos. Desde 2003, explicam astrônomos e entidades, Marte não chegava tão próximo aos "terráqueos".

A Nasa, agência espacial americana, informa que Marte estará a 57,6 milhões de quilômetros da Terra, e ficará visível por toda a noite a olho nu. Em 2003, a distância foi ainda menor, com os dois planetas contabilizando 56 milhões de quilômetros de distância entre eles.
Na prática, Marte vai parecer uma estrela brilhante vermelha, como foi na noite do eclipse lunar quando estava ao lado da Lua, explica o astrônomo Gustavo Rojas, da Universidade Federal de São Carlos.
"Basta olhar para o leste no começo da noite. Marte é a 'estrela' avermelhada e brilhante"-- Gustavo Rojas, astrônomo.
Apesar de estar num ponto mais próximo, não vai dar para notar muita diferença de Marte em relação ao eclipse lunar de sexta-feira (27), explica Rojas.
"Vai dar pra ver normalmente, como tem sido nas últimas semanas, basta olhar para o céu", diz o astrônomo Gustavo Rojas, da Universidade Federal de São Carlos. "Quem viu o eclipse na sexta-feira, e observou Marte ao lado da Lua, não vai mudar muito visivelmente", diz.
Rojas explica que Marte muda sua posição em relação à Terra porque sua órbita é a mais elíptica de todos os planetas. "Sua distância do Sol varia mais. Isso causa essa diferença de distância da Terra", explica o astrônomo.
Já em meados de agosto, segundo a Nasa, Marte ficará mais "fraco" na medida em que Marte e Terra se afastarem um do outro em suas órbitas ao redor do Sol.
A agência americana estima que a próxima aproximação de Marte da Terra seja em 6 de outubro de 2020.

Fonte:G1

Arquivo do blog