sexta-feira, 29 de junho de 2018

Após adiamentos, governo de MT deve inaugurar Complexo da Salgadeira previsto para 2014

Complexo Salgadeira, na Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-215), entre Cuiabá e Chapada dos Guimarães, a 65 km da capital (Foto: Gcom/MT)
Complexo Salgadeira, na Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-215), entre Cuiabá e Chapada dos Guimarães, a 65 km da capital (Foto: Gcom/MT)

Prevista para a Copa do Mundo 2014, a obra de revitalização do Complexo Turístico da Salgadeira, localizado às margens da Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251), em Cuiabá, deve ser inaugurada nesta sábado (30).

O evento havia sido previsto para março e depois para abril, mas foi adiado as duas vezes.
Orçada inicialmente em R$ 6 milhões, a obra teve custo final de R$ 12 milhões e foi interrompida várias vezes por falhas no projeto e problemas contratuais, entre outros motivos. Iniciada em 2010, a obra deveria ter ficado pronta para a Copa do Mundo de 2014.
O complexo, que é um dos principais pontos turísticos de Mato Grosso, está fechado há sete anos, após serem encontradas inúmeras irregularidades ambientais, como o risco de acidentes com banhistas por possíveis desabamentos da encosta da cachoeira e resíduos a céu aberto.
Quando for inaugurada, a entrada dos visitantes na Salgadeira deverá ser gratuita, segundo o governo.
Obra revitalização da Salgadeira deveria ter ficado pronta para a Copa (Foto: Rafaella Zanol/Secid-MT)Obra revitalização da Salgadeira deveria ter ficado pronta para a Copa (Foto: Rafaella Zanol/Secid-MT)
Obra revitalização da Salgadeira deveria ter ficado pronta para a Copa (Foto: Rafaella Zanol/Secid-MT)
A obra
Quatro mirantes foram instalados, além de lojas de souveniers e restaurantes. O estacionamento foi ampliado.
Nos mirantes, os visitantes podem contemplar a vista das montanhas de Chapada dos Guimarçaes. O estacionamento tem capacidade para 100 carros e seis ônibus.
Para não prejudicar o meio ambiente, foi construída uma trillha suspensa com 560 metros, que tem luzes de LED movidas à energia solar.


Faz parte do projeto, ainda, uma passarela metálica ligando os dois lados do complexo, passando sobre a MT-251.
Por enquanto, o local é proibido para banho, mas o governo e o Ministério Público Estadual estariam realizando estudos para garantir o uso do local como balneário, de forma controlada.
Complexo da Salgadeira foi fechado para obras de revitalização (Foto: Chico Valdiner/ Secom-MT)Complexo da Salgadeira foi fechado para obras de revitalização (Foto: Chico Valdiner/ Secom-MT)
Complexo da Salgadeira foi fechado para obras de revitalização (Foto: Chico Valdiner/ Secom-MT)

Fonte:G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog