domingo, 6 de agosto de 2017

Temer diz que Venezuela será recebida de 'braços abertos' no Mercosul se retomar ordem democrática

Por Guilherme Mazui



Em vídeo postado no Twitter neste domingo (6), o presidente Michel Temer afirmou que, se a Venezuela retomar a ordem democrática, será recebida de “braços abertos” de volta ao Mercosul.

Suspenso do bloco sul-americano desde dezembro por por descumprir obrigações com as quais se comprometeu em 2012, o país governado por Nicolás Maduro recebeu uma nova sanção por "ruptura da ordem democrática".
A decisão foi aprovada por unanimidade e anunciada no sábado (5), após reunião em São Paulo, de representantes do Brasil, da Argentina, do Uruguai e do Paraguai. O Brasil está na presidência temporária do bloco
“Esperamos que a Venezuela encontre o caminho para a recomposição da ordem democrática, do respeito à diversidade de visões e posições”, afirmou Temer na mensagem.
Neste domingo, Temer também aproveitou o início da tarde para se reunir no Palácio do Planalto com os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE) no Palácio do Planalto. Também participaram das conversas do dia os ministros Moreira Franco (Secretaria-Geral) e Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo).
Temer chamou Maia e Eunício ao Planalto para afinar o discurso sobre a reforma previdenciária e tratar sobre a segurança no Rio de Janeiro.
A proposta de mudanças nas aposentadorias e pensões é a prioridade do governo no Congresso depois de Câmara dos Deputados barrar o prosseguimento ao Supremo Tribunal Federal (STF) da denúncia por corrupção passiva contra Temer apresentada pela Procuradoria Geral da República (PGR).

Fonte:G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Total de visualizações de página

Arquivo do blog