domingo, 16 de julho de 2017

Confiança sai na frente, tem atuação ruim no segundo tempo e perde para o Salgueiro



Em noite dos estreantes Genivaldo e Frontini, o Confiança não conseguiu se reabilitar na Série C do Campeonato Brasileiro e foi derrotado pelo Salgueiro por 4 a 1. O Time Proletário saiu na frente no primeiro tempo com gol de Thiago Silvy, mas voltou do intervalo para fazer um segundo tempo pífio. Levou uma dolorosa virada por 4 a 1. Os gols foram marcados por Jean, duas vezes, Álvaro e Diogo.

Genivaldo fez uma grande partida e conseguiu defesas providenciais, mas não conseguiu evitar o revés. Frontini estreou bem, participou diretamente do gol proletário.
Com o resultado, o Confiança afunda de vez na Série C e cai para a penúltima colocação, está na zona do rebaixamento. O Salgueiro subiu para a 6ª colocação. Na próxima rodada, o Confiança enfrenta o Cuiabá na Arena Batistão. O jogo está marcado para o dia 24/07, às 20h30. O Salgueiro volta à campo no sábado que vem, contra o Moto Club, fora de casa.

O jogo
A partida iniciou bastante movimentada no Cornélio de Barros. O time da casa tentou propor o jogo mas o Confiança resistiu de forma eficiente na marcação. Os azulinos tentavam explorar os contragolpes, mas não conseguiu encaixar um contra-ataque eficiente. O Salgueiro acabou criando mais na primeira etapa, mas parou nas defesas magistrais de Genivaldo, que já começou a mitar com a camisa 1 do Confiança. Foram pelo menos três defesas providenciais. Aos 25 minutos veio o gol da equipe de Leandro Sena. Após lateral, Felipe Cordeiro colocou a bola na área, Frontini desviou de cabeça e Thiago Silvy completou para o gol.
No segundo tempo, o Confiança voltou irreconhecível. Com uma postura recuada, chamou o Salgueiro e sofreu uma tremenda pressão. Genivaldo foi obrigado a trabalhar bastante, mas logo aos 4 minutos veio o empate do Carcará. Em jogada rápida, Jean matou no peito e mandou um chute forte no gol. O Salgueiro seguiu pressionando o time sergipano e conseguiu um pênalti. Na cobrança, Jean virou.
Para piorar ainda mais a situação do Confiança, coube mais um. Aos 35 minutos, em contra-ataque, Álvaro ampliou. Em seguida, Frontini foi expulso por simulação e o técnico Leandro Sena expulso por reclamação. Acabava ali qualquer possibilidade de reação azulina.


Fonte:Globoesporte.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Total de visualizações de página

Arquivo do blog